Stop Dog e Pipi Dog

Stop Dog e Pipi Dog

Sabemos que é necessário todo o carinho e cuidado na hora de educar o seu pet. Por isso, a Sanol Dog criou uma linha de produtos para facilitar o processo de treinamento de cães e gatos na educação sanitária ou para mantê-los longe de ambientes e objetos. Os produtos possuem formulação eficaz, que não agride seu pet. Pipi Dog possui um poderoso atrativo canino, que condiciona o animal através do odor, sem prejudica-lo no processo. Stop Dog através de odor faz com que o animal mantenha distância do local desejado, produto indicado para ambientes internos ou externos.

Tapete Higiênico

Tapete Higiênico

Com uma fragrância especial, o Tapete higiênico Sanol Dog, condiciona o animal a procurá-lo sempre que tiver vontade de fazer xixi, mantendo o ambiente limpo e livre se maus odores. Sua composição é capaz de absorver até 1 litro de líquido. Contem fitas adesivas para fixação no local e Gel superabsorvente, que evita que o animalzinho molhe suas patas ao pisar no tapete.

6 motivos para castrar o cachorro e a idade certa para fazer isso

6 motivos para castrar o cachorro e a idade certa para fazer isso

Algumas pessoas ainda têm certo receio quando a castração. Se perguntam se essa é a melhor forma de prevenir filhotes indesejados, se irão se arrepender disso depois e até mesmo se existem benefícios em optar por castrar o cachorro. A verdade é que a castração é algo muito benéfico para seu cão. Idade certa para castrar o cachorro A idade certa para realizar a castração de um cão pode variar. A maioria dos veterinários recomenda que seja feita entre os seis e oito meses de idade, quando o pet já trocou toda a dentição e tomou todas as vacinas. No entanto, no caso das fêmeas de grande porte o ideal é esperar até que completem um ano para realizar o procedimento. 6 motivos para castrar o cachorro 1 – Menor chance de desenvolver tumor de mama No caso das fêmeas que nunca tiveram nenhum contato sexual, a doença que mais as acomete é o tumor de mama. Quando a castração é realizada antes do primeiro cio as chances de desenvolver esse tipo de tumor caem para 0,5%. Após o primeiro cio, o valor muda para 8%, após o segundo para 26% e depois do terceiro permanece igual ao de uma fêmea não castrada. Sendo assim o ideal é castrar o cachorro o quanto antes! 2 – Evita brigas e fugas Os cães machos costumam fugir de casa assim que percebem que há uma fêmea no cio por perto. Ao serem castrados perdem o interesse em ir atrás das fêmeas no cio, evitando assim as fugas e possíveis brigas com outros machos.  3 – Sem chances de desenvolver piometria A piometria é uma infecção no útero que costuma aparecer em cadelas adultas e idosas que nunca foram castradas. Essa infecção pode acontecer até mesmo nas fêmeas que tiveram ninhadas de filhotes alguma vez na vida. Considerada grave, a piometria pode muitas vezes ser confundida com o cio normal da cachorrinha e quando não descoberta a tempo leva o animal a morte por infecção generalizada. 4 –Menos xixi pela casa Os machos têm o hábito de marcar território, com isso acabam fazendo xixi em várias partes da casa. Quando castrados eles perdem esse hábito. Inclusive, se o pet for castrado antes de um ano ele não irá marcar território quando adulto. 5 – Temperamento mais dócil e calmo Cães muito agitados ou agressivos também tendem a mudar seu temperamento após a castração. Eles ficam mais dóceis e calmos, o que evita problemas de convivência com outros animais da casa e até mesmo com os próprios donos. 6 – Redução da população de cães Temos muitos animais em situação de abandono ou aguardando por um dono nos canis de adoção. Sendo assim, ao castrar o cachorro você diminui a população de cães e evita ninhadas indesejadas.     Fonte: https://www.amigocaoshop.com.br/

Como ensinar o cachorro fazer as necessidades no lugar certo.

Como ensinar o cachorro fazer as necessidades no lugar certo.

Infelizmente, essa é uma das principais reclamações que donos de cachorro fazem para adestradores profissionais e veterinários. E a dor de cabeça não se restringe apenas aos filhotes, que ainda estão em fase de aprendizado. Cães adultos e já treinados também podem voltar a urinar e defecar no lugar errado pela casa. Mas, como ensinar o cachorro a fazer necessidades no lugar certo se já são adultos? O deslize pode acontecer porque seu peludo está tentando chamar sua atenção por falta de brincadeiras e passeios ou até mesmo como um indicativo de problemas de saúde. Como ensinar ao cachorro o lugar certo? Para ajudar você a treinar seu animal, separamos algumas dicas e técnicas que são bastante eficazes. Mas lembre-se: todo e qualquer tipo de adestramento exige muita paciência, consistência e persistência. Por isso, não desista se seu cachorro tiver alguma recaída!  Eleja um cantinho Escolha o cantinho que será o banheiro do seu cachorro. É importante que seja sempre o mesmo lugar e que ele esteja distante, de preferência em locais opostos, da caminha e dos potes de água e de comida.  Crie uma rotina É importante que o cachorro tenha hora para dormir, comer, brincar e principalmente para fazer xixi e cocô. Filhotes tendem a defecar e urinar logo após comer. Cães adultos costumam demorar de 15 a 30 minutos. Mantenha o filhote em um espaço pequeno desde o primeiro dia na sua casa. Pode ser na região da cozinha e da área de serviço, por exemplo, se por ali for seu local escolhido para ele fazer suas necessidades. Como ele ainda é filhote, não é preciso espaços grandes. Forre cerca de 80% do local com jornal ou tapete higiênico. Assim que o filhote comer, leve-o para o tapetinho e espere ele defecar e urinar. Com o passar dos dias, ele vai se habituando com o local, e você pode ir reduzindo a quantidade de jornal. Esse período de maior contenção costuma durar três semanas, mas pode variar de animal para animal. Vá liberando os demais cômodos da casa aos poucos e de acordo com os acertos do animal. Pensando em auxiliar na educação do seu pet, a Sanol Dog desenvolveu o Pipi dog. O produto é um atrativo olfativo que condiciona o animal a fazer suas necessidades em um determinado local. Com o cachorro adulto, o controle de comportamento deve ser feito tirando as manhas dele. O ideal é deixá-lo sempre preso quando você não estiver junto dele. Usar uma caixa para treiná-lo também é importante. Ele pode fazer xixi ou cocô nessa caixa, pois isso permite que você fique de olho nele. Controlar o comportamento do cão é imprescindível para o treino de um animal adulto. Recompense os acertos SEMPRE recompense os acertos! Vale tudo: fazer festa, carinho e dar petiscos. Isso ajuda a reforçar o bom comportamento. Esse é o melhor caminho para ajudá-lo a acertar o local de fazer suas necessidades!  Nunca dê broncas Muito menos esfregue o focinho do animal no xixi ou cocô feitos fora do lugar. Isso não ajuda em nada, já que ele não entende o que está acontecendo, nem aprende o local certo. Na maioria dos casos, o cachorro acaba ficando com medo do dono e passa a procurar cantinhos escondidos da casa para fazer suas necessidades. Outros até começam a comer as fezes para esconde-las. Eles podem ainda desenvolver certa resistência às broncas e passam a fazer isso para ganhar atenção. A dica é ignorar os erros e limpar a sujeira sem o cão ver. Se for preciso, prenda-o em outro cômodo enquanto você faz a higienização. Elimine o cheiro Higienize o local do erro com produtos adequados para eliminar o cheiro e evitar que o cão volte a procurar aquela área. A Sanol Dog possui um produto que ajuda na limpeza do xixi, o Talco Limpa-Xixi, facilitando a limpeza e recolhimento da urina do animal. Remover o xixi e o cocô, passar um pano umedecido com água e só depois usar algum desinfetante é mais eficiente do que usar os produtos de limpeza diretamente.   Fonte: https://love.doghero.com.br/

Como escolher o melhor tapete higiênico para seu cão

Como escolher o melhor tapete higiênico para seu cão

Tapetes higiênicos são uma ótima opção para cães fazerem xixi no lugar certo. Geralmente já começamos a usar quando o filhote chega na nova casa e não pode sair para passear pois ainda não está totalmente vacinado. Existem vários tipos, tamanhos e diferente absorção, mas uma coisa é certa: devemos trocar o tapete pelo menos 3 a 4 vezes ao dia no caso de filhotes.  Conforme o animal vai crescendo e já tomou as vacinas muitas vezes vai preferir fazer suas necessidades na hora do passeio, mas é bom deixar sempre um tapete higiênico Sanol Dog na área de serviço para em caso de ficar um tempo sozinho em casa e sentir necessidade de fazer xixi continuar a usar para o resto da vida. É muito importante sempre observarmos a cor da urina (xixi) dos nossos cães. Ela sempre deve ser de um tom amarelo para amarelo claro. Urina com coloração amarela escura, cor de coca cola, avermelhada não é normal e podemos visualizar facilmente quando o pet urina no tapetinho higiênico. Animais com problema renal ou diabéticos bebem muita água e o xixi fica sem cor ou amarelo muito claro, além de consumirem uma maior quantidade de tapetinhos higiênicos que o normal. Estas dicas servem para você cuidar bem da saúde do seu pet e sempre estar observando o xixi dele. O Tapete higiênico ajuda a cuidar da saúde do seu pet Algumas raças têm propensão a formar cálculo urinário (schnauzer, lhasa apso, shitzu) e no tapetinho começa a formar tipo uma areia na sua superfície muitas vezes de cor acinzentada ou amarelada. Hoje em dia temos tapetinhos higiênicos de cor escura (negra) e são muitas vezes propícios para usarmos quando vamos receber visitas em casa, ou para animais que fazem xixi em tapete higiênico sem ser na área de serviço. Estes tapetinhos escuros tem uma melhor capacidade de absorção e deixam menos odor, mas podem ficar muito encharcados pois não tem o contraste do branco para ver o quanto foi usado e não devem ser usados 100% do tempo pois precisamos observar a cor e aspecto do xixi dos nossos pets para notarmos qualquer anormalidade. Fonte: http://petcare.com.br